Candidatos apresentam-se aos deficientes militares

AdfaADFA

Lisboa, 25 de Setembro de 2019 – Os candidatos dos partidos Aliança, Bloco de Esquerda, Partido das Pessoas dos Animais e da Natureza e Partido Democrático Republicano visitaram a Sede Nacional da ADFA, em 18, 19, 24 e 25 de setembro, respetivamente, no âmbito da pré-campanha eleitoral para as Eleições Legislativas.

Reunidos com os membros dos Órgãos Sociais Nacionais os candidatos ouviram uma exposição sobre as questões prioritárias e que urge resolver em prol dos direitos dos deficientes das Forças Armadas, com destaque para a injusta aplicação do DL 503/99 aos deficientes militares, para a saúde e cuidados de internamento na velhice e agravamento das deficiências, para os deficientes em serviço e para outros pontos do Caderno Reivindicativo da ADFA.

  • Estiveram na ADFA em visita às instalações da Sede Nacional e da Delegação de Lisboa os seguintes representantes dos partidos:
  • Aliança – António Martins da Cruz, Pedro Quartin Graça, Sónia Ferreira, António Pedro Lobo e Nuno Vasconcelos e Sá.
  • BE – Pedro Filipe Soares, Jorge Falcato e Mário Tomé.
  • PAN – Inês Real, Paula Nicolau, Jorge Alcobia e Pedro Soares.
  • PDR – Pedro Pardal Henriques, Susana do Ó, Albinina Monteiro, Rosa Fonseca, João Vaz, Pedro Martins e José Mirra.

A todos a ADFA sublinhou que “Portugal tem uma ferida aberta quanto às questões dos deficientes militares”, sendo “necessária e urgente uma reconciliação do País com o passado e com o sacrifício de quem tanto deu no Serviço Militar Obrigatório, durante a Guerra Colonial”.

Mais informações na próxima edição do ELO.